Atlético encara o Villa Nova, no Castor Cifuentes, no início da Era ‘El Turco’

O anúncio oficial da contratação de Antonio Mohamed se deu em 13 de janeiro. O pontapé inicial de seus trabalhos ocorreu quatro dias depois, na pré-temporada na Cidade do Galo. A apresentação como novo treinador aconteceu nessa terça-feira (25). E nesta quarta (26), enfim, começa o calendário de jogos da Era “El Turco”, com a expectativa de que seja o primeiro passo de mais um ano tão – ou até mais – marcante para a história do Atlético quanto foi 2021.

O desafio inaugural dessa nova saga do bicampeão em sequência do Estadual (2020 e 2021) será contra o atual vencedor do Módulo II, o Villa Nova, a partir das 19h, no Castor Cifuentes, na estreia de ambos os times no Campeonato Mineiro.

Para este embate, a ideia de “El Turco” será utilizar atletas que não foram tão acionados quanto titulares e reservas imediatos em 2021 e jovens formados na base alvinegra. Mesmo com uma equipe alternativa e, obviamente, com a falta de ritmo de jogo, o treinador espera começar com vitória sua trajetória em um clube que, como ele mesmo admite, não pode se contentar em alcançar apenas o segundo lugar nas competições do ano.

E além da Massa, há uma torcida argentina especial de olho no técnico. “Tanto minha família como todos meus amigos e as pessoas na Argentina estão muito felizes por esse desafio, sabendo que aqui o sucesso é ser campeão. Sair em segundo lugar não é bom. A equipe é campeã. Um desafio muito importante”, afirmou o comandante alvinegro, ainda vivenciando um “sonho” em dirigir o time mineiro.

“Surpreende qualquer treinador que um clube campeão te chame. Sempre que um time sai campeão, o treinador que está lá continua em seu cargo. Então, me surpreendeu que o Cuca não tenha prosseguido. Estou muito feliz com essa possibilidade de ser argentino e que o clube campeão brasileiro tenha me contratado. É um grande desafio. Quando me chamaram, me encheram de ilusão”, declarou.

Retrospecto

Na história do confronto entre Atlético e Villa Nova, houve 241 partidas, sendo 148 vitórias do Galo, 43 do Leão e 50 empates.

Fonte: Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.