Após vitória do Atlético sobre Patrocinense, ‘El Turco’ ainda deseja melhorar o time

“É normal que a equipe sinta o esforço. E há intensidade, mas de maneira pausada. Cinco minutos, depois outros cinco. Não estamos com ritmo para manter um coletivo mais intenso. Estamos numa etapa de pré-temporada. Com certeza nossa equipe ainda vai estar melhor. Não é pretexto, nem desculpa, mas o horário, o calor, a umidade, faz com que o ritmo seja um pouco mais lento”.

Em quatro jogos, “El Turco” tem alternado os jogadores. Alguns reservas, outros da base e titulares formaram os times responsáveis por três vitórias e um empate até agora. Ele já afirmou que essa é uma tática para dar uma boa minutagem a todos atletas, para que estejam preparados, sobretudo, para a disputa da Supercopa, contra o Flamengo, no dia 20 de fevereiro.

O técnico também comentou a estreia do zagueiro Godín, anunciado pelo Galo no dia 12 de janeiro: “Ele já está em ritmo, pois estava em sua Seleção. Eu falei com o Réver que iria trocá-lo com o Godín e dividir o tempo. Certamente ele vai colaborar muito com a equipe”, afirmou. O uruguaio entrou em campo após o intervalo e marcou o terceiro gol da equipe atleticana.

“El Turco” falou sobre seu jeito calmo, observado nos primeiros jogos comandando o Galo. “Não sou tão tranquilo, mas tento estar para que meus jogadores recebam a tranquilidade. Prefiro falar depois, durante a semana, nos vestiários. Quando o treinador fala pouco, é porque a equipe entende tudo que digo”, explicou.

Keno

Este jogo marcou a estreia do zagueiro Diego Godín e do volante Allan no Campeonato Mineiro. Muito aguardado pela torcida, o atacante Keno não entrou. “El Turco” explicou que “Keno está em etapa de recuperação atlética em busca de melhores condições físicas, devido a Covid”.

Letícia Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.