Ronaldo Nazário é homenageado pela Caldense

Diretor de futebol do Cruzeiro, Pedro Martins recebeu o presente entregue pelo marketing do clube de Poços de Caldas.

“Ronaldinho estreou no Ronaldão. O primeiro jogo de um craque da Seleção. Virou Ronaldo, um ídolo internacional, a alegria da nação. A Caldense perdeu o jogo, mas entrou para a história de um fenômeno do futebol mundial”. Com estas palavras, publicadas no Instagram na tarde de sexta (04), a Caldense prometia uma homenagem a Ronaldo Fenômeno, um dos maiores atletas da história do futebol mundial. E neste sábado, antes da vitória do Cruzeiro sobre o clube de Poços de Caldas, por 2 a 0, o compromisso foi cumprido.

Como está na Espanha acompanhando o Real Valladolid, o eterno camisa 9 e hoje líder da SAF Cruzeiro não pôde marcar presença no Sul de Minas. Foi, no entanto, bem representado pelo diretor de futebol da Raposa, Pedro Martins, que recebeu as homenagens: uma placa e uma camisa da Caldense, destinada ao ex-atacante.

Na placa, o clube do interior mineiro relembra que “no dia 25 de maio de 1993, em Poços de Caldas-MG, no Estádio Municipal Dr. Ronaldo Junqueira, Ronaldo Luís Nazário de Lima estreou como jogador de futebol profissional no jogo Caldense 0 x 1 Cruzeiro”. Na oportunidade, o jovem Ronaldo, com apenas 16 anos, fazia o primeiro jogo da carreira, vestindo as cores do Cruzeiro pelo tradicional Campeonato Mineiro. Ele sofreu uma falta que resultou no gol de Ramon Menezes, o único da partida, que terminou 1 a 0 para o time celeste diante da Caldense.

Mesmo em outro continente, Ronaldo fez questão de agradecer a homenagem realizada pela equipe adversária. “Que homenagem linda, que lembrança especial. E vinda de um adversário… isso é futebol! Muito obrigado, Caldense”, postou o Fenômeno em seu Instagram.

Site oficial do Cruzeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.