Galo tenta atingir marca histórica com ‘El Turco’ na primeira fase do Mineiro

Líder do Campeonato Mineiro, com 22 pontos, três a mais que Athletic e Cruzeiro, segundo e terceiro colocados, respectivamente, o Atlético está muito perto de atingir uma marca histórica com o técnico Antonio “El Turco” Mohamed no comando do time: a de melhor campanha do clube na primeira fase do Estadual desde 2012.

Para obter êxito nesta missão, o Galo precisa levar a melhor sobre seus dois últimos adversários desta etapa da competição. No sábado (12), às 16h30, visita o Democrata-GV, no Mamudão, pela décima rodada. Uma semana depois, no dia 19 (sábado), às 16h30, recebe a Caldense, no Mineirão, em jogo válido pela 11ª jornada.

Além de vencer, o Atlético necessitaria de, no mínimo, conseguir cinco gols de saldo juntando os dois próximos confrontos. Desta forma, chegaria a 28 pontos e 19 tentos de diferença, pelo menos, e superaria a campanha da primeira fase do campeonato de 2019.

Na edição de três anos atrás, o Alvinegro encerrou a etapa classificatória com 28 pontos e 18 gols de saldo, em primeiro lugar na tabela. Na final, porém, perdeu para o Cruzeiro e acabou sendo vice.

2012

O Atlético de “El Turco” não tem mais chances de alcançar ou sobrepujar a campanha atingida pelo time comandado por Cuca em 2012. Naquela ocasião, o Atlético somou 29 pontos, na liderança. Na decisão, levou a melhor diante do América, com empate em 1 a 1 e vitória por 3 a 0, se sagrando campeão. Em 2013, voltou a levantar a taça, seu então último bicampeonato em sequência da competição.

Caso levante o caneco em 2022, o Galo, atual bicampeão (2020, com Jorge Sampaoli, e 2021, com Cuca), se tornaria o primeiro tri em sequência do Mineiro neste século. E, para El Turco, representaria seu segundo título pelo clube – o primeiro foi a Supercopa do Brasil.

Até às fases finais, no entanto, o time tenta cravar mais uma marca histórica na primeira fase do torneio.

Últimas campanhas do Atlético na primeira fase do Mineiro

2012: 29 pontos (1º lugar)
2013: 27 pontos (2º lugar)
2014: 23 pontos (2º lugar)
2015: 22 pontos (3º lugar)
2016: 20 pontos (2º lugar)
2017: 27 pontos (1º lugar)
2018: 18 pontos (3º lugar)
2019: 28 pontos (1º lugar)
2020: 22 pontos (3º lugar)
2021: 27 pontos (1º lugar)

Por Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.