‘Quando está valendo troféu, contra qualquer equipe é especial’, diz Guilherme Arana, sobre a final

Campeão estadual em 2020 e 2021 pelo time preto e branco, o atleta terá a Raposa como adversária na final do Mineiro deste ano, o que, na visão de Arana, não traz um gostinho especial. A maior motivação, para ele, é outra.

“Quando está valendo troféu, contra qualquer equipe é especial. Não importa contra quem seja, queremos entrar para a história do clube. E para entrar na história do clube, tem que conquistar título. Como foi contra Tombense (2020) e América (2021), e agora na final diante do Cruzeiro, independentemente de quem vamos enfrentar, temos que entrar para vencer e continuar fazendo história”, disse.

Tri estadual

Caso supere o rival, o Atlético voltará a obter um tri estadual depois de mais de quatro décadas. O último foi em 1978/79/80, que, com mais três títulos em seguida, se tornou hexa.

“Estamos aqui para fazer história no clube. Ano passado foi mágico para todos, com conquistas. Quanto mais conquistarmos, mais entraremos para a história do Atlético, que é uma história muito bonita. Respeitando nosso adversário, vamos em busca do título”, completou Arana.

Fonte: Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.