Atlético: Rodrigo Caetano e Victor são punidos pelo STJD por incidentes no jogo contra o Goiás

O diretor do Atlético, Rodrigo Caetano, e o gerente do clube, Victor, foram julgados e punidos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta quinta-feira (26). O primeiro terá que cumprir suspensão de 60 dias, e o segundo, de 20 dias.

Os dois membros da cúpula alvinegra entraram na pauta da Quarta Comissão Disciplinar do STJD por conta de incidentes no empate em 2 a 2 com o Goiás, na Serrinha, em 30 de abril, pela quarta rodada do Brasileirão.

Os dirigentes atleticanos ficaram na bronca contra a arbitragem na oportunidade e foram citados na súmula do juiz Bruno Arleu.

O jogo ficou marcado por uma entrada de Danilo Barcelos sobre Guga, no início do primeiro tempo, em que a barriga do lateral-direito do Galo ficou marcada pelas travas da chuteira do adversário. O atleta do Goiás só recebeu o cartão amarelo.

Não apenas naquele dia, por meio da insatisfação dos dois dirigentes como também em outras ocasiões, o Atlético questionou as decisões da arbitragem do duelo com o Goiás.

Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.