Brasileirão: Em jogo de oito gols, Fluminense vence o Atlético por 5 a 3 no Maracanã

Chuva de gols no Maracanã. Fluminense e Atlético fizeram uma partida de oito gols nesta quarta-feira (8), com vantagem para o time carioca que venceu por 5 a 3. A equipe do técnico Fernando Diniz marcou bem as principais peças do Galo, se aproveitou dos contra-ataques para marcar cinco gols e impedir uma vitória do Alvinegro, que o colocaria na liderança do Brasileirão.

Com o resultado, o Galo caiu uma posição e agora é o quarto colocado, com 16 pontos. A equipe do técnico Turco Mohamed ainda pode ser ultrapassada pelo Coritiba, que tem 14 pontos, e joga nesta quinta-feira.

Primeiro tempo com emoção

O jogo começou movimentado no Maracanã. Apenas uma amostra do que estava por vir no primeiro tempo. Logo no início da partida, as duas equipes buscaram o ataque, com chances mais claras para o Fluminense. O Atlético assumiu uma postura mais ofensiva, deixando os donos da casa à espera de um contra-ataque.

E foi assim que saiu o primeiro gol do Flu. Aos 17, Ganso arrancou pela esquerda, tocou para Luiz Henrique dentro da área, que ajeitou para um belo chute de Arias no ângulo do goleiro Eveson. O Galo sentiu o gol e seguia com dificuldades de chegar com perigo ao gol de Fábio. Dez minutos depois, o tricolor ampliou. Num contra-ataque fulminante, Arias trocou passes com Samuel Xavier e cruzou para o gol de barriga de Cano, relembrando Renato Gaúcho.

Com a desvantagem no placar, o Galo foi para cima. Hulk se movimentava para tentar as jogadas, mas sempre sofria marcação de, pelo menos, dois defensores. O primeiro gol alvinegro saiu após uma falha de Fábio. O goleiro saiu errado e soltou a bola nos pés de Jair. Ele tocou para Hulk marcar. Foi o sexto gol do artilheiro do Galo no Brasileiro e o 20º na temporada.

A torcida do Atlético mal teve tempo para comemorar. Dois minutos depois, o Fluminense marcou o terceiro. Após cruzamento de Luiz Henrique para a área, Samuel Xavier apareceu de surpresa para cabecear pro gol. O Galo ainda diminuiu aos 48 da etapa inicial. Alonso cruza para Jair empurrar para o fundo das redes.

A emoção continuou no segundo tempo. Logo aos sete minutos, Sasha marcou o terceiro do Galo e empatou a partida. Após bobeira da defesa, Jair roubou a bola, tabelou com Ademir e cruzou para Sasha marcar de cabeça. O jogo seguiu lá e cá, com oportunidades dos dois lados. O Flu voltou à frente no placar, novamente com Cano. O argentino acertou o ângulo de Everson e marcou um golaço. O Flu ainda marcou mais um com Luiz Henrique.

FICHA TÉCNICA

Fluminense
Fábio; Samuel Xavier, Manoel, David Braz e Cris Silva; André, Wellington (Felipe Melo) e Ganso (Yago Felipe); Luiz Henrique (Luccas Claro), Cano (Willian Bigode) e Arias (Caio Paulista).

Atlético
Everson; Mariano, Nathan Silva (Réver), Alonso e Rubens; Jair (Otávio), Allan, Nacho (Fábio Gomes), Hulk, Sasha (Keno) e Ademir (Sávio).

DATA: 8 de junho de 2022 (quinta-feira)
LOCAL: Maracanã
CIDADE: Rio de Janeiro
MOTIVO: 10ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
ARBITRAGEM: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza, todos do Rio Grande do Sul.
VAR: Daiane Caroline Muniz dos Santos (FIFA/SP).
CARTÕES AMARELOS: André, Ganso, Fernando Diniz (Fluminense); Nathan Silva, Rubens, Allan, Turco Mohamed (Atlético).
GOLS: Arias, Cano (2), Samuel Xavier, Luiz Henrique (Fluminense); Hulk, Jair e Sasha (Atlético)

Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.