Janela de Transferências: Reforços chegam sem ritmo, mas prontos para estrear pelo Atlético: veja como podem jogar

O tão esperado dia 18 de julho chegou, e o Atlético regularizou a situação dos reforços que chegaram na janela de transferências do meio do ano. Finalmente, os novos jogadores poderão entrar em campo com a camisa alvinegra. E o jogo de estreia já pode ser nesta quinta-feira (21), contra o Cuiabá, às 19h, pela 18ª rodada do Brasileirão.

O Galo trouxe quatro reforços para o restante da temporada: o zagueiro Jemerson, o meia-atacante Pedrinho, e os atacantes Alan Kardec e Cristian Pavón. Os quatro estão em condições de jogar e podem ser opção para o técnico Antonio Turco Mohamed para o próximo compromisso. O treinador não deve utilizar nenhum dos atletas como titular contra o Cuiabá, mas, com mais tempo de treinos na Cidade do Galo, isso pode acontecer.

Eliminado da Copa do Brasil, o Atlético segue na disputa da Copa Libertadores e no Brasileirão. No torneio continental, a equipe alvinegra vai enfrentar o Palmeiras nas quartas de final no início de agosto. O argentino Pavón não poderá ser usado na competição, já que está suspenso por seis partidas. No entanto, Kardec, Pedrinho e Jemerson estão aptos para ajudar o Galo na Libertadores.

Jemerson foi o primeiro reforço anunciado pelo Atlético. O zagueiro, que vestiu a camisa alvinegra de 2013 a 2016, retorna ao clube mais experiente para ajudar a defesa da equipe. O zagueiro ficou sem atuar por cerca de dois meses, mas garantiu que manteve a preparação física em dia. Além disso, Jemerson destacou que pode ajudar o Galo em outras posições em casos de necessidade, como lateral-direito e volante.

O segundo reforço anunciado pelo Galo foi Alan Kardec. O atacante de 33 anos está há ainda mais tempo sem jogar, desde o dia 1º de janeiro. No entanto, Kardec tem feito um trabalho de preparação física para poder estrear logo que for regularizado. Ou seja, já pode ser escolhido por Turco. Em sua chegada, o atacante afirmou que vai buscar uma vaga entre os titulares.

Outro que chega para reforçar o setor ofensivo é o meia-atacante Pedrinho. Inicialmente, o jogador só poderia ser inscrito a partir de agosto, mas o clube conseguiu antecipar a inscrição do atleta, que poderá jogar já no Brasileiro e nas quartas da Libertadores. Versátil, o jovem de 24 anos não atua desde o ano passado, mas ressaltou que pode jogar de meia, ponta e até de falso nove.

A contratação mais polêmica da janela foi a do argentino Pavón. Isso porque ele não pode atuar na Libertadores por uma punição sofrida justamente contra o Atlético. Além disso, o jogador é acusado de violência sexual na Argentina. Ele nega o crime. O atacante estava no Boca Juniors até junho e não teve o contrato renovado, mas também não joga desde dezembro. O argentino explicou que gosta de jogar caindo pelos lados.

Mesmo brigando entre os quatro primeiros no Brasileirão e muito vivo na Libertadores, boa parte da torcida atleticana está insatisfeita com o trabalho do Turco. Resta saber como o treinador vai encaixar as novas peças no time para melhorar o desempenho e seguir na disputa pelos dois títulos restantes no ano.

Hoje em Dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.